Monday, March 30, 2009

Aventuras de Alexandre Bueno

Avalie: 
A história que eu venho contar hoje não é minha. É uma história já de algum tempo (pra ser sincera não sei exatamente de quando) que se passou com o Ale, meu dignissimo namorado. Estamos namorando há pouco tempo, mas o suficiente pra saber que seu jeito estabanado rende boas e engraçadas histórias. É o que torna o dia com ele (mais) divertido, e o que pode tornar uma viagem muito mais interessante. Estamos começando a planejar uma viagem juntos, ainda sem destino por enquanto, e eu logo pensei "vou precisar ficar de olho pra ver se ele não esquece nada, não perde nada...", mas depois repensei e cheguei à conclusão que se isso acontecer, vamos perder toda a diversão. Espero ter muitas histórias pra contar por aqui. Enquanto eu não tenho, deixo a narração por conta do próprio Ale. Como segue:

Aventuras de Alexandre Bueno no aeroporto de Buenos Aires
15:30 - Parto do escritório em direção ao aeroporto
15:34 - Percebo que esqueci meu discman no escritório
16:15 - Chego ao aeroporto
16:17 - Entro em uma fila gigante, com um ticket da Tam, onde existem painéis com a escrição "Varig/Tam todos los vuelos" 
16:35 - Chego para fazer o check-in e sou informado que deveria fazer o check in no outro guichê, pois aquele era da Varig
16:36 - Entro na outra fila, sou abordado por uma pessoa do staff da Tam que me informa que eu NÃO DEVO pagar a taxa de embarque.
16:50 - Finalmente faço o check in e sou informado pela atendente do balcão que DEVO pagar a taxa de embarque
16:51 - Entro na fila do guichê para o pagamento de taxas de embarque
16:53 - Pago a taxa de embarque e subo para tomar um refrigerante
17:00 - Me dirijo à sala de embarque
17:01 - Passo pelo raio-x
17:02 - Entro na fila da imigração
17:05 - Chego ao guichê de imigração e não encontro meu RG
17:06 - Saio da sala de embarque e me dirijo à lanchonete para procurar o RG. Nada
17:10 - Desço as escadas rolantes e me dirijo ao guichê da taxa de embarque. UFA, Estava lá.
17:12 - Subo novamente e vou direto para a sala de embarque
17:13 - Passo pela 2ª vez no raio-x
17:15 - Entro na fila da imigração
17:20 - Me dirijo ao guichê 
17:21 - Entrego minha passagem aérea. A policial me pergunta onde está meu cartão de imigração
17:22- Silêncio...
17:23- Sou orientado a procurar o serviço de imigração, preencher uma ficha e pagar uma taxa
17:24 - Saio correndo da sala de embarque
17:25- Atravesso a saguão do aeroporto correndo
17:26 - Passo na imigração e inicio o preenchimento da papelada
17:35 - Entrego a ficha e sou orientado a pagar uma taxa de 100 Pesos no banco
17:36 - Saio correndo pelo saguão do aeroporto
17:38 - Chego à casa de cambio e troco dólares por pesos
17:39 - Outra corrida no saguão do aeroporto
17:41 - Chego ao banco
17:42 - Pago a guia
17:42 - Outra corrida no saguão do aeroporto
17:43 - Subo as escadas rolantes e entro na sala de embarque
17:45- Passo pela 3ª vez pelo raio-x
17:46 - Pego a fila para a imigração
17:55 - Chego ao guichê e entrego a documentação
17:56 - Informo à policial que o voo parte as 18:10
17:57 - A policial passa a mão no telefone. Me imagino provocando o maior congestionamento da história da aviação sulamericana
18:00 - Sou liberado
18:01 - Entro no corredor de embarque
18:02 - Noto que o avião é um MD11, da Varig. Lembram-se que o pessoal da Varig não quis fazer meu check in?
18:03 - Entro no avião 
18:05 - Chego à poltrona 23 A 
18:06 - Noto que tem um FDP sentado no meu lugar 
18:13 - O avião parte de volta ao Brasil
Edição: a história se passou em 2003. 

2 comments:

Revista Foda-se said...

Valeu, Thais!
Se servir de consolo, diz pro teu namorado que eu já tive que desembolsar 200 euros na espanha pra não perder um vôo... mais ou menos neste esquema.
1 beijo,
Zé McGill

Amarílis said...

Huahuahauahauahau!! Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii Não sei se quero histórias assim, pq é tenso, mas, uma ou outra pode ser ^^

Mas aí... esquecer o RG me fez dar boas gargalhadas uhuahauahauahuaa

Tenso, ele??? Naaah...