Sunday, July 22, 2012

Austrália: Sydney (3)

Avalie: 
Nessa terceira edição sobre o que fazer no centro da cidade de Sydney, você encontra alguns dos meus favoritos - especialmente para quem está viajando sozinho(a). Postarei a 4a e última edição em breve,  com dicas de compras.

A primeira e segunda edições você encontra aqui e aqui.

O que fazer de dia e à noite

1 - Free tour
Como eu já havia comentado antes, circular pelo centro é fundamental, inclusive para descobrir o que está rolando no momento na cidade.

Pra começar sua jornada em Sydney, recomendo o Free tour. Já fiz duas vezes e iria de novo! Como o nome já diz, é "de grátis" e tem todos os dias, inclusive feriados, em dois horários: 10h e 14h30. Se for ficar em Sydney mais que uma semana, o melhor dia e horário é sábado às 10h. Por quê? Não conto; faça e depois me conte aqui =) Você aprende sobre a história da cidade e presta atenção em detalhes que passam super despercebidos até pra quem mora aqui. E, se tiver entediado, pode juntar-se ao grupo novamente qualquer dia às 18h para o free tour macabro...

2 - Cruzeiro
Existem alguns programas que, como turista em Sydney, você simplesmente não pode perder. Sydney Showboat Dinner Cruise - marinheiro de primeira viagem aqui em Sydney tem que reservar uma sexta ou sábado à noite para este passeio. Aliás, sugiro que qualquer pessoa se programe para estar em Sydney em uma sexta ou sábado, exclusivamente para fazer este passeio. Tudo é fantástico: a comida, o show de mágicas, o show internacional, o porto, a vista... Há duas opções de prato principal e o preço varia: $ 130 para carne vermelha e $ 88 para frango. Entrada, sobremesa e bebidas - incluindo alcoolicas - estão contempladas no preço.

3 - Pubs, boates, restaurantes

Os pubs e nights mais populares do centro: Scruffy Murphy's (também considerado o mais nojentinho), Star Bar (destaque para a decoração do segundo andar e pela boa comida), Three Monkeys (cobra entrada, porque tem música ao vivo) e Century Bar (bebidas a $ 4 todos os dias da semana; o melhor DJ toca às sextas).

Se você é do tipo sofisticado: Blu Bar, no 36 andar do Shangri-la Hotel (imperdível a qualquer um, é de onde se tem vista panorâmica da cidade inteira, entrada grátis, drinks a $ 20) e Ivy Bar (drinks grátis das 18h às 20h às quintas-feiras, belíssimo e amplo espaço, vá bem arrumadinho).

Os meus lugares favoritos (que são, curiosamente, os melhores parar dançar uma salsa): Establishment (excelente ambiente, aula e noite de salsa às terças, a partir das 20h); Cargo Bar (noite boa às sextas e sábados); La Cita (salsa somente às quintas-feiras) e Cruise Bar (às sextas).

O melhor restaurante da cidade para mim, pelo menos até o momento, é o famoso La Bodeguita Del Medio. O preço é bem salgado e as porções dos pratos principais não são generosas, mas qualquer coisa do cardápio é tão espetacular que você paga sorrindo de orelha a orelha. 

Tá a fim de tomar um café ou comer um docinho? Max Brenner é o seu lugar (e o meu também!): a melhor chocolateria da cidade. Vá fundo no Explosion Chocolate Shot ( $ 5.50) e no Chocolate Souflé ($ 10).

Já fast-food saudável, segura e em conta, aqui em Sydney, tem apenas 1 opção: take-aways de comida japonesa. Eles estão por toda a parte e oferecem desde rolinhos de sushi ($3.50 - $5.50, no fim do dia eles fazem 2 por $ 4) a bentôs (marmita, de $7.50 - $10). 

4 - Cinema, teatros, shows (etc)

Cinema aqui é experiência única. Se tiver tempo e (principalmente) dinheiro, experimente o Gold Class no Event Cinemas. O ingresso é $ 39.50, sem desconto pra estudante. Sessões com no máximo 40 pessoas, há garçons no meio da sessão para tirar seu pedido de drink e/ou jantar e as poltronas mais confortáveis do mundo. A sala Vmax (ingresso $ 22.50) é a alternativa mais em conta à esse luxo todo, vale a pena pelo conforto dos assentos. O IMAX não tem assentos tão confortáveis mas tem a maior tela de cinema do mundo. Excelente para curtir um 3D.

Peças de teatro, musicais da Broadway, concertos no Opera House e jogos de rúgbi estão por toda a parte. Pesquise e compre tickets aqui.

5 - The Rocks (e mais restaurants)

Área mais velha da cidade e, portanto, a mais europeia. Eu adoro passar o dia (e a noite) aqui, acho O charme em arquitetura, muito agradável! Viajo no tempo total.... Imperdível principalmente aos sábados, quando até às 16h rola uma feirinha de produtos e comidas - bem carinha, por sinal, mas que vale a pena conferir. Dá pra comprar pérolas por um preço camarada - mas daí também duvido se as pérolas são de verdade.

Deixe-se perder por aqui, sem medo. Encontre os restaurantes Lowenbrau Keller (alemão) e Pancakes on The Rocks (auto-explicativo), ambos perfeitos para almoço ou jantar. Tente também achar onde está o pub mais velho da cidade inteira. Sim, ele está escondido por aqui e tem música típica/ao vivo rolando todo sábado.

Fotos por Bruna Ribeiro.

No comments: