Sunday, August 19, 2012

Caminho do Sol – Planejamento parte II

Avalie: 
Estamos a mais ou menos 2 semanas da minha saída para a caminhada. Admito, estou bastante ansiosa. Semana passada fui assistir à palestra, que foi muito legal e muito elucidativa. O Claudio, senhor que deu a palestra, é um entusiasta apaixonado pelo Caminho. A palestra durou umas 3 horas, e pelo menos metade disso foi ele empolgado contando algumas histórias que ocorreram nos tantos anos que ele acompanha os peregrinos. Foi emocionante.

Lá ele falou sobre o caminho em si, para onde iremos, em quais pousadas iremos dormir, quanto custa em média cada uma, e outros tipos de detalhes que precisamos saber para fazer a caminhada sem percalços. Além disso, também deu algumas dicas, muito parecidas com o que eu já tinha lido (e que eu falei no post anterior). Eles dão um check list gigante de coisas que a gente deve levar para a caminhada, e ele ainda deu umas sugestões de coisas que não estão na lista, como apito de emergência (para caso você tenha um problema e esteja longe do grupo), e mini lanterna (para o caso de você querer ir ao banheiro no meio da noite e não ter que acender a luz do quarto).

Sobre o bastão de caminhada, ele falou que é realmente muito importante, pois sustenta 30% do peso do nosso corpo, principalmente em subidas (quando nos ajuda a ter força para subir) e descidas (que ajuda a nos freiar).

Então hoje, último final de semana vago que tenho antes da viagem, tirei o dia para ir fazer as compras dos equipamentos do check list. Fui lá na Decathlon, mas já falo sobre isso. Queria antes falar que no dia da palestra, que foi na loja Mundo Terra, eu aproveitei para comprar o meu tênis. No meu último post, eu disse que estava em dúvida entre dois modelos da Nômade, mas lá na loja eles me convenceram a comprar um da Salomon (mesmo porque nem tinha o da Nômade lá), que, segundo eles, é uma das melhores marcas. Não comprei o modelo mais caro, comprei um intermediário, que já é muito bom e acho que aguenta a bronca. Andei com ele por São Paulo nessa última semana para amaciá-lo, e em uma semana já achei ele bem amaciadinho. Gostei bastante, e acho que valeu o investimento. Foi bem carinho, por sinal.

Aí hoje lá na Decathlon eu comprei praticamente todo o resto do equipamento. Apesar da bagunça da loja, que torna o trabalho de encontrar produtos quase uma arte, consegui encontrar praticamente tudo. Comprei o bastão de caminhada, que eu não sei se é o mais adequado pois ele não tem a ponteira mais lisinha, só tem aquela que parece uma agulha. Mas dizia lá que era para todos os terrenos, então levei. Também achei o boné que eles recomendam, que é daqueles que cobre as orelhas e o pescoço, e embora eu ficasse parecendo o Chaves, eu comprei. Achei também a capa de chuva de cobre a mochila também, mas ainda não testei com a mochila. Meu marido falou que eu fiquei parecida com o Batman vestindo a capa. Eu fiquei me imaginando de capa de chuva com o boné. Vou ficar parecida com o Chaves fantasiado de Batman, eu acho.

Comprei mais meias, tops, camisetas dry fit. Não achei camiseta de manga longa, mas peguei emprestado da minha mãe. Também a calça que vira bermuda (aquelas que tem um ziper na altura do joelho) não me serviu, mas nem vou comprar. Vou com uma calça (também emprestada de mamis) e de bermuda por baixo, e aí se precisar, eu só tiro a calça. Vamos ver se funciona.

Achei o "cantil", que na verdade são aqueles sacos de água que você coloca dentro da mochila. Me parece bem prático.

Enfim, comprei bastante coisa, e cheguei à conclusão de que depois disso, terei que fazer muitas outras caminhadas para compensar o investimento. hehe. Para uma pessoa como eu, que não tinha praticamente nada, o investimento acaba sendo grande. Mas por ser uma caminhada pesada, estou investindo em coisas boas (principalmente o tênis), pois às vezes o barato sai caro, como diz o velho deitado. E quando eu voltar, conto o quanto o investimento realmente valeu a pena e o que não foi necessário.

Pensei em postar aqui o check list, mas acho que farei isso depois que eu voltar. Assim já coloco o que é realmente necessário, o que fez falta e o que sobrou. Pode ser?

Thais

No comments: